Bastidores 026: Uma história sobre perdão e segundas chances

Livro

A segunda vida de Missy, de Beth Morrey

Com uma protagonista incomum em romances contemporâneos, o livro de novembro do clube intrínsecos traz uma divertida narrativa sobre a importância das conexões que criamos mesmo depois de envelhecermos.

Missy está prestes a completar 80 anos e sua rotina tem sido bem diferente. Ela passou as últimas décadas cuidando de dois filhos e de um marido famoso no mundo acadêmico. Quando olha para trás, ela enxerga uma vida que não necessariamente estava nos planos, e olhando para a frente, não vê muita perspectiva. Agora que o marido não está mais ao seu lado, que ela brigou com a filha e o filho se mudou para a Austrália, Missy passa os dias bebendo xerez e inventando desculpas para sair de casa e ter o que contar ao filho por e-mail.

Em uma dessas saídas, uma visita ao parque perto de sua casa, Missy conhece um grupo de estranhos que, junto a uma cadela vira-lata, irá quebrar sua casca e mostrar quanto amor ela ainda tem para dar. Em pouco tempo, rodeada por uma comunidade alegre e diversa que encarna as várias formas de amar, a senhora rabugenta e solitária encontra uma nova razão para viver.

A segunda vida de Missy é um romance dos mais importantes, que conta uma história sobre aprender a se amar e a se perdoar. Um retrato emocionante e reflexivo sobre a vida adulta e o envelhecimento.

 

Revista

Nossa revista intrínsecos de novembro é sobre arrumar nossa casa e nossos afetos a fim de reencontrar o valor do que realmente importa. Reinventar-se é o tema do texto da psicóloga Aline Ueda, que traz uma lufada de inspiração para resolvermos a enorme bagagem sentimental que acumulamos sem necessidade. A jornalista Natalia Freitas fala da vida doméstica e do valor de manter em ordem o lar que habitamos.

Ainda sobre o lar, investigamos com Sandra Megala a origem grega desse espaço doméstico e familiar, em contraponto com o mundo lá fora. E fechando nossa jornada fraternal, um breve inventário de amizades marcantes da música, dos livros e da arte, por Karen Huck. As ilustrações de início, meio e fim da revista são da artista Ana Franco Netto.

 

Marcador e cartão-postal

O marcador e o cartão-postal revelam a arte da capa da edição que chegará às livrarias pelo menos 45 dias após ser enviado no clube, em um formato diferente, sem o acabamento especial da edição do intrínsecos.

 

Brinde

Em novembro, o brinde da caixinha foi um aparador de livros para organizar sua estante e combinar com a coleção.

Curtiu essa caixa? Garanta a próxima! Assine o clube intrínsecos e receba uma experiência surpresa todo mês.

O kit completo também está disponível na loja intrínsecos, exclusivo para assinantes.

Um comentário sobre “Bastidores 026: Uma história sobre perdão e segundas chances

  1. Missy uma senhora cujos erros levaram a um resultado solitário em sua vida na terceira idade. Erros que levaram anos para serem reparados e perdoados. E principalmente, foram pessoas estranhas que a ajudaram a se perdoar. Narrativa leve as vezes até pífia, entretanto trata com delicadeza a solidão. 🌟🌟🌟

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *