Bastidores 015: na caixa de dezembro, uma homenagem aos clássicos de mistério

Se você ainda não faz parte do nosso clube do livro, assine o intrínsecos até o dia 31/01 e garanta a primeira caixa com o frete grátis. Basta usar o cupom FRETEZERO e aproveitar!

O LIVRO

Durante o recesso de fim de ano, um grupo de amigos se reúne para passar o réveillon juntos, uma tradição iniciada há mais de dez anos, quando estavam na faculdade. Dessa vez, eles escolheram uma propriedade idílica e isolada nas Terras Altas da Escócia — o refúgio perfeito para relaxar. A viagem começa descontraída: todos eles admirando a paisagem espetacular — ainda que meio assustadora —, tomando champanhe diante da lareira, rememorando o passado. No entanto, após uma década, mesmo que tentem negar para si mesmos, não há mais nada em comum entre eles; sobraram apenas feridas jamais cicatrizadas e segredos potencialmente destrutivos. E então, em meio a uma festança turbulenta na última noite do ano, o fio que os mantém unidos arrebenta.

Quando uma forte nevasca cai e o relógio vira para o início de um novo ciclo, um corpo é encontrado na neve. O grupo está preso na propriedade, e todos os indícios apontam para um caso de assassinato. Ninguém pode entrar. Ninguém pode sair. Nem o assassino.

Escolhido para ir na caixa de dezembro, durante as celebrações de fim de ano, A última festa é perfeito para se ler a caminho daquele encontro com velhos amigos que foi tão difícil de marcar. Brincadeiras à parte, o romance de Lucy Foley é surpreendente, uma homenagem aos clássicos de mistério, como os livros de Agatha Christie. Contado da perspectiva de seus diversos personagens e com idas e vindas no tempo, é um thriller impossível de parar de ler. E que ainda deixa um gostinho de quero mais. Como aquela sobremesa favorita do réveillon.

 

A REVISTA

Uma homenagem à Rainha do Suspense: você sabe a qual livro de Agatha Christie se refere este cartum criado por Diogo Torres [@diogotorresart] especialmente para a intrínsecos 015?

A última festa é um revival maravilhoso do melhor que os suspenses policiais pode nos oferecer: o crime do quarto fechado. Lucy Foley, autora estreante no gênero, nos entrega um thriller daqueles que devoramos porque precisamos saber quem matou, porque o assassino e todas as pistas estão ali na nossa frente, e porque não vamos sossegar até decifrá-los. A escrita de Lucy Foley faz você se sentir na pele dos grandes detetives. Nossa revista 015 é uma homenagem a esses mestres da dedução, àqueles que notam o que ninguém viu e puxam o fio da meada para nos presentear com a fabulosa reviravolta dos minutos finais. Convidamos o artista Diogo Torres a criar três cartuns celebrando clássicos de Agatha Christie, falamos da evolução das tramas de investigação ao longo dos tempos, da chegada do romance policial ao Brasil e das regras que ajudam a construir um bom suspense, em textos de Natalia Preston, Orlando Gaudo e Carla Maranhão. Para divertir, um desafio: desvendar quem são os famosos detetives dos livros, do cinema e da TV que estão escondidos em um caça-palavras!

 

MARCADOR E CARTÃO-POSTAL COLECIONÁVEL

BRINDES

A história se passa às vésperas do ano novo, por isso escolhemos um brinde que acompanha os intrínsecos durante 2020: um calendário exclusivo! Na primeira folhinha, voltamos a dezembro de 2018 e janeiro de 2019, meses em que a trama de A última festa se desenrola.

O calendário é todo ilustrado e as cores mudam a cada estação. Destacamos feriados, além de datas importantes das histórias que amamos, aniversários dos autores e outras surpresas para os intrínsecos.

Um comentário sobre “Bastidores 015: na caixa de dezembro, uma homenagem aos clássicos de mistério

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *