Confira a caixa de março do intrínsecos!

O livro

Um suspense de ares sobrenaturais e reviravoltas sombrias que se sustentam até um final surpreendente. Esse é O que aconteceu com Annie, livro da caixa intrínsecos 006, escrito pela inglesa C. J. Tudor, a autora de O homem de giz — best-seller com 25 semanas de presença na lista de mais vendidos da revista Veja.

Na atmosfera úmida e claustrofóbica de um vilarejo próximo a Nottingham, interior da Inglaterra, a pequena Annie Thorne desapareceu. Foram feitas buscas e apelos nos noticiários, todos imaginaram o pior. Dois dias depois ela voltou sem saber o que tinha acontecido. E voltou diferente. Não havia quem admitisse, mas a verdade é que todos passaram a temê-la. Joe, seu irmão mais velho, era garoto quando isso aconteceu. Agora, vinte e cinco anos depois, um e-mail anônimo o arremessa de volta a esse terrível passado: Eu sei o que aconteceu com sua irmã. Está acontecendo de novo. Joe precisa voltar. Retornar ao passado força Joe a reabrir sem dó as velhas feridas e reencontrar as pessoas e os lugares que ele jamais pensou que veria novamente. A forma como as coisas terminaram, a traição, o suicídio, o assassinato… Seria demais para Joe suportar? Talvez. Mas nada disso chega nem perto do que ainda virá. Ele não faz ideia de onde está se metendo — nem você.

 

A revista

© Chico Shiko

Crime e suspense mais uma vez tomam conta das páginas da revista intrínsecos, agora com potência e mistério redobrados: O que aconteceu com Annie é uma leitura imagética, repleta dos símbolos que nos fazem crer e temer, mesmo sabendo que se trata de ficção. E foi pensando nesses elementos simbólicos que montamos nossa edição 006. Com ilustrações do quadrinista paraibano Chico Shiko e da fera Felipe Freitas, textos do escritor Antônio Xerxenesky, do filósofo Teo Brandão e um fragmento da obra O Rei de Amarelo, de Robert W. Chambers, a revista é uma ode ao medo, às explicações que buscamos para ele e, sobretudo, às artes que o evocam. Leia com todas as luzes acesas.

 

 

Marcador e cartão-postal colecionável

Os assinantes recebem todo mês um marcador e um cartão-postal com a arte de capa da edição que chegará às livrarias alguns meses depois. Desta vez, o marcador também deu um aviso: os mortos nunca nos abandonam.

 

Brinde

Um dos motivos que levam Joe para sua cidade natal é uma dívida perigosa. Nosso protagonista é viciado em jogos de azar, principalmente cartas, e carrega sempre consigo um lembrete de sua vida passada. Para que o leitor se sentisse um pouquinho na pele de Joe, o brinde foi um baralho com marcas de tudo que deu errado nos jogos.

 

Gostou da caixinha de março? No clube intrínsecos você recebe todo mês um livro inédito no Brasil em capa dura, junto com uma revista que expande seu universo literário, um marcador, um cartão-postal colecionável e um brinde relacionado à história. Tudo exclusivo para os assinantes!

Garanta a próxima caixa e mergulhe em todas as surpresas que preparamos para você!

Um comentário sobre “Confira a caixa de março do intrínsecos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *